‘Vamos acabar com o cocô no Brasil, que é raça de comunista’, diz Bolsonaro



O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a confrontar, nesta quarta-feira (14), os governadores do Nordeste e a ‘esquerda comunista’, a quem chamou de ‘cocô’. Em visita à cidade de Parnaíba, no Piauí, ele afirmou que os governadores querem separar a região do restante do país e defendeu que ‘o caminho é uma só bandeira’. O Piauí é governado pelo petista Wellington Dias, que recepcionou o presidente no Aeroporto Internacional Prefeito Dr. João Silva Filho.

Polêmica Paraíba

    Compartilhe: