Portugal reabre atrativos com novo selo de higiene e limpeza

Portugal reabre atrativos com novo selo de higiene e limpeza

A partir de 1º de junho, Portugal entrou em sua terceira etapa de abertura de atividades pós-coronavírus. Cinemas, teatros e casas de shows voltam a abrir ao público, mas com ocupação limitada e lugares marcados.

Nessa que é a última etapa do desconfinamento português serão contemplados também centros comerciais e lojas com mais de 400 m².

“Portugal tem sido reconhecido internacionalmente como um país que soube lidar com eficiência em tempos de pandemia e se preparar para o futuro”, definiu em uma rede social, o diretor do escritório de divulgação do turismo português no Brasil, Bernardo Barreiros Cardoso.

A exceção deve ser a Área Metropolitana de Lisboa, onde o governo pretende esperar até o próximo dia 4 de junho para reabrir os centros comerciais. Segundo o Primeiro-Ministro de Portugal, António Costa, “a evolução, na região de Lisboa e Vale do Tejo, distingue-se significativamente das restantes regiões, tendo um aumento muito significativo do número de casos.”

Porém a novidade é a criação do selo Clean & Safe. Definida pelo Turismo de Portugal, a série de medidas pretende “gerar maior segurança e confiança na utilização dos estabelecimentos de alojamento, serviços em geral e nas atrações turísticas”.

Os estabelecimentos que cumprirem com as recomendações da Direção-Geral da Saúde passarão a usar um selo que os certificam como um lugar seguro.

Como vai ser o turismo em PortugalA abertura das praias portuguesas está programada para o próximo dia seis de junho. As faixas de areia serão divididas por um sistema que indicará sua capacidade de ocupação, e atividades desportivas com duas ou mais pessoas estão proibidas.

Leia mais no MSN

    Compartilhe: