João diz que não será omisso em ‘boicote’

João diz que não será omisso em ‘boicote’

O governador João Azevêdo (PSB) disse, nesta segunda-feira (19), não acreditar em um possível ‘boicote’  orquestrado pelo grupo ligado ao ex-governador Ricardo Coutinho. Apesar de ignorar a possibilidade, João afirmou que caso haja qualquer tentativa, o Governo tomará as providências.



“Supondo que ocorra [boicote], o que eu não acredito, o governador vai tomar as providências. Ninguém dentro do governo, estará boicotando o governo e o governo ser omisso. É evidente que não. Não acredito nisso. Mas se acontecer, tomarei as medidas devidas e necessárias”, pontuou.






Mais cedo, o socialista afirmou que não terá espaço na agenda para ir à reunião com o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, e o ex-governador, em Brasília, depois da “intervenção” no partido na Paraíba.






Na última sexta-feira (16), Siqueira decidiu que nomeará uma comissão provisória na sigla, depois que integrantes do diretório estadual ligados ao ex-governador Ricardo Coutinho iniciaram movimento de renúncias, provocando a destituição do então presidente, Edvaldo Rosas, e uma nova eleição na legenda, um ano antes do fim mandato. Siqueira esperava por uma reunião com Azevêdo e Coutinho, no início desta semana, em Brasília.
MaisPB

    Compartilhe: