CRISE NO PSB: Ricardo Barbosa rebate Estela e Cida e defende Rosas

CRISE NO PSB: Ricardo Barbosa rebate Estela e Cida e defende Rosas

O líder do Governo na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Ricardo Barbosa, rebateu nesta terça-feira (13), a tese das deputadas Estela Bezerra e Cida Ramos, que desejam ter o ex-governador Ricardo Coutinho no lugar de Edvaldo Rosas na presidência do Diretório Estadual do PSB. Em entrevista à rádio Arapuan FM, ele destacou que essa é uma “discussão inócua, absolutamente sem propósito”.




“Com todo respeito que devoto a ambas, (…) perderam uma ótima oportunidade de ficaram caladas”, rebateu Ricardo Barbosa.  Para ele,  “Não há discordância quanto ao tamanho, à importância, ao papel e qualificações de Ricardo Coutinho”, mas que o pensamento de tê-lo na presidência do PSB nesse momento “é absolutamente inoportuno ao meu modo de avaliar e no modo de avaliar do governador João”, destacou.





O socialista salientou que o PSB se expandiu sob o comando de Rosas, e considerou que ele deve ficar no comando da sigla até o fim de 2020, quando termina seu mandato. “Sou do PSB da época do Velho Arraes. Tenho legitimidade. Acho que Edvaldo Rosas saiu foi maior desse processo. Ele estava lá calado, é aquela figura serena, não gosta de holofotes, e aí protagonizaram essa possibilidade de saída de Edvaldo, e ele agigantou-se”, disse.





Ricardo Barbosa se solidarizou com Rosas. “Ele tem a solidariedade do presidente da Assembleia, do líder do governo, de todos os diretórios, do governador João Azevêdo. Ele merecia esse fortalecimento. Quando terminar o mandato de Edvaldo Rosas o ano que vem, aí seja Ricardo Coutinho, é indiscutível, mas para agora, me perdoe Estela, é inoportuna a sua tese”, rechaçou.

Fonte: Polêmica Paraíba
Créditos: Polêmica Paraíba

    Compartilhe: