Vídeo mostra homem agredindo a ex-cunhada em Sorocaba




Um homem de 29 anos foi flagrado por um sistema de segurança agredindo a ex-cunhada, que chegou a desmaiar, no bairro Itanguá I, em Sorocaba (SP).A agressão ocorreu quando o homem foi à casa da ex-esposa para deixar o filho de quatro anos, segundo o boletim de ocorrência. O caso ocorreu no domingo (30) e as imagens foram divulgadas nesta sexta-feira (5). 

Ao G1, a vítima que desmaiou afirmou que se recupera dos ferimentos. O rapaz não foi localizado. O boletim de ocorrência foi registrado por lesão corporal, injúria, ameaça, violência doméstica e dano.

Por causa de uma medida protetiva emitida nesta semana, ele não pode ter contato com a ex-mulher, a ex-cunhada e o filho.

Motivo da briga

De acordo com o boletim, o suspeito da agressão foi até o endereço no ínicio da noite para levar o filho depois de ficar com ele no fim de semana. Antes de entregar o menino à mãe, ele e a ex teriam discutido por telefone porque o pai ultrapassou o limite determinado para devolver o menino à mãe, que era 16h.Com medo, a mãe da criança chamou duas irmãs para fazerem companhia assim que o homem chegasse para deixar o filho. Por volta das 20h, a tia da criança foi até a portaria para recebê-lo e teria levado um soco da namorada do suspeito e também revidado durante outra discussão.

Na sequência, o rapaz entrou na confusão e agrediu a ex-cunhada com socos e chutes até a vítima desmaiar. Nas imagens dá para ver a mãe do menino e a outra irmã tentando segurar o agressor. Em um momento ele empurra uma das mulheres que cai.

Durante a agressão, um morador que presenciou a cena levou o menino e a mãe para o apartamento.

A vítima foi atendida ainda caída no chão por uma das irmãs. No momento que o agressor passou pela portaria, quebrou uma grade e foi até o apartamento da ex-mulher com a namorada onde teriam danificado vários móveis.

O carro da mãe da criança também foi danificado com a barra usada para sustentar a cortina do apartamento.

A confusão só foi contida quando seguranças do condomínio conseguiram segurar o homem e acionar a PM. No plantão policial o rapaz ficou detido e, assim como a namorada, negou os crimes.

Leia mais no G1

    Compartilhe: