Tréplica: Goldman diz que Doria deixa São Paulo "às traças"



O vice-presidente nacional do PSDB e ex-governador de São Paulo, Alberto Goldman, divulgou um vídeo com uma tréplica, rebatendo as críticas feitas pelo prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) . Em novo vídeo, publicado em suas redes sociais na tarde deste sábado (7), Goldman afirma que o tom de Doria foi "raivoso, prepotente, arrogante, preconceituoso."


Mais cedo neste sábado, também em vídeo divulgado na internet, Doria tinha chamado Goldman, de "improdutivo" e "fracassado" ao rebater as duras críticas feitas a ele por Goldman em vídeo publicado ontem.

"João Doria publica um vídeo contra mim em tom bastante raivoso, prepotente, arrogante, preconceituoso. Me acusa de velho. De fato faço essa semana 80 anos. O que é uma idade respeitável. Sou velho, mas não sou velhaco. Sou leal. Tenho dignidade, respeitado e tenho compromisso com meu povo", afirmou Goldman, que voltou a acusar Doria de usar o mandato para se lançar candidato à Presidência da República.

"Nunca usei meu mandato como trampolim para obter um outro mandato. Todos que eu tive foram obtidos ou pelo respeito que eu tenho ou por eleição", afirmou. "Doria não responde a questão principal que eu coloquei no meu vídeo: São Paulo ainda não tem um prefeito. O prefeito ainda não nasceu depois de nove meses em que ele tem o mandato. Nasceu, sim, um candidato à Presidência da República."

Leia no UOL.

    Compartilhe: