Enquanto o governador tranca, o prefeito segue entregando escolas

Enquanto o governador tranca, o prefeito segue entregando escolas

Duas ações do prefeito Luciano Cartaxo neste final de ano mostram, claramente, os elementos de um contraponto que se pode fazer em relação ao governador Ricardo Coutinho, em áreas tão essenciais como habitação e educação. O governador, como sabe, já fechou mais de 250 escolas estaduais, um número, aliás, incerto, porque o próprio Governo não é transparente nesse quesito.

Apenas nos últimos dias, trancou várias escolas, inclusive em João Pessoa. Pois, enquanto o governador fecha escolas, o prefeito reforma, moderniza e amplia unidades de ensino municipais. Como foi o caso, por exemplo, da Escola Municipal Damásio Barbosa da França, no Distrito dos Mecânicos, a terceira entregue em menos de um mês em João Pessoa, totalmente recuperada.

Outra ação importante do prefeito. Há tempos, o governador não consegue dar uma solução para a invasão do antigo prédio do Hotel Tropicana onde, inclusive, já funcionou  uma secretaria de Estado. Nesta sexta-feira (dia 23), Cartaxo formalizou a entrega de 92 moradias no Residencial Vista Alegre, no bairro Colinas do Sul, para as pessoas que viviam em condições sub-humanas no prédio.

Inaugurações – Nos últimos dias, o governador entregou o Viaduto Sivuca (no Geisel), obra executada com recursos majoritariamente federais, e a reforma do Teatro Santa Roza, que durou nada menos do que seis anos.

Leia mais no blog de Helder Moura.

    Compartilhe: