André Amaral é cotado para assumir o Ministério da Cultura

André Amaral é cotado para assumir o Ministério da Cultura

O deputado André Amaral (PMDB-PB) é o nome mais cotado para o Ministério da Cultura. A expectativa é que sua nomeação ocorra depois do retorno de Michel Temer de sua viagem da Europa.
 
A indicação do deputado tem respaldo na Câmara. Seu nome é apoiado pelo PMDB e bem aceito pelos partidos da base de sustentação do governo no Congresso. O congressista tem 26 anos e está em seu 1º mandato como deputado federal. A pouca idade e ter ficha limpa foram critérios importantes na definição do nome para a pasta. 

Ao Poder360, o deputado afirmou que não foi consultado formalmente pelo Planalto, mas conversou com os líderes do governo no Congresso. “Isso é uma construção política dentro do PMDB. Não sei se serei o indicado, mas estou feliz por ter meu nome sondado e apoiado pelos líderes do governo“, disse.

 
A senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) foi convidada para o MinC, mas recusou o posto. Segundo apurou o Poder360, a recusa não está relacionada à crise entre a pasta e o Planalto causada pela nomeação para a Presidência da Ancine. O convite foi feito e recusado antes do episódio.
 
Elvis - Caso se concretize a nomeação de Amaral como ministro, quem assumirá o mandato como deputado federal é Evisnaldo Cruz de Andrade, servidor público estadual de 56 anos, mais conhecido como Elvis, que teve 2.111 votos nas eleições de 2014.

Leia no Blog do Gordinho.

    Compartilhe: